Todo departamento jurídico possui indicadores-chave de desempenho, conhecidos como KPIs. E o departamento que não controla indicadores de desempenho, normalmente apresenta dificuldades em comprovar à diretoria seu caráter estratégico para a empresa.

Afinal, não se pode melhorar aquilo que não se mede. O resultado disso é impossibilidade de evolução na gestão diária e dificuldades ou demora na tomada de decisão.

Não se trata de encher o departamento jurídico de métricas que não serão utilizadas para nada. O propósito de uma gestão inteligente é encontrar indicadores que façam sentido para a realidade do jurídico e permitam que a área:

1 – Determine prioridades

2 – Tome decisões baseadas em dados

3 – Rastreie a origem de seus resultados

4 – Localize anomalias e desvios

5 – Entenda melhor o negócio e seu papel na geração de valor para a companhia

Para entender na prática esta realidade, conversamos com com gestores de departamentos jurídico de empresas líderes, para identificar para quais indicadores um jurídico de resultados deve acompanhar.

Quais os principais indicadores estratégicos de um departamento jurídico?

Para elencar os principais indicadores do departamento jurídico, iremos dividi-los em três grupos: contencioso, consultivo e contratos. A partir disso, você poderá avaliar o que faz sentido mensurar considerando a demanda com a qual seu departamento jurídico trabalha.

Indicadores de contencioso

  • Volume de processos por natureza
  • Evolução dos processos (fases)
  • Volume por fases processuais
  • Turnover (trabalhistas)
  • Provisão por natureza
  • Natureza por comarca
  • Decisão por comarca

Indicadores de consultivo

  • Volume de requisições
  • Volume de requisições por período
  • Tempo de resposta de requisições – SLA jurídico
  • Requisições iniciadas x Requisições finalizadas
  • Requisições com andamentos atrasados
  • SLA – Andamentos por fase da requisição
  • Requisições – Índice de satisfação

Indicadores de contratos

  • Total de contratos ativos
  • Valor total dos contratos
  • Valor médio dos contratos
  • Determine um valor médio de cada contrato.
  • Média de novos contratos ao mês
  • Contratos por status
  • Categorias de contratos
  • Contratos a vencer

Apresentando indicadores do departamento jurídico para a diretoria

Construímos um modelo de apresentação de indicadores e resultados para departamentos jurídicos em PPT. Nele, estão reunidos todos os indicadores apresentados neste artigo, em gráficos, prontos para serem editados e apresentados à diretoria.

Faça o download, edite a apresentação com as informações da sua empresa e comprove que seu departamento é um jurídico de resultados.

Como definir controlar seus indicadores jurídicos de forma dinâmica, precisa e eficiente?

Pare para analisar quantos indicadores o departamento jurídico controla e como controla os seus próprios indicadores?

É importante que esse controle seja feito por uma ferramenta que gere produtividade ao departamento jurídico, permitindo que o profissional tenha mais tempo para se dedicar a outras atividades.

E imaginou poder fazer tudo isso em tempo real? O Legal Intelligence, o BI do departamento jurídico pode fazer isso para você.

Como funciona o Legal Intelligence?

O Legal Intelligence é uma funcionalidade do software jurídico ProJuris para Empresas. Ele é integrado com os demais módulos do ProJuris, e é atualizado em tempo real.

Por exemplo, seu departamento jurídico gerou uma requisição no ProJuris. A partir do lançamento, o Legal Intelligence irá registrar a requisição e acompanhar seus andamentos, calculando automaticamente o SLA e detalhando andamentos por fase, filial, contexto, cliente, etc.

Ou seja, com o Legal Intelligence, o ProJuris transforma a informação do seu departamento jurídico em dados estruturados.

Quer saber mais sobre o Legal Intelligence? Agende uma demonstração do ProJuris para Empresas.

Originalmente publicado neste site

Ronaldo Faria Lima on EmailRonaldo Faria Lima on FacebookRonaldo Faria Lima on GithubRonaldo Faria Lima on LinkedinRonaldo Faria Lima on Twitter
Ronaldo Faria Lima
Desenvolvedor de software há 23+ anos. Escreveu software para indústrias diversas, como telecomunicações e hospitality, em sistemas que variam de aplicações de missão crítica a sistemas embarcados em plataforma móvel celular.
Categorias: Startups

Ronaldo Faria Lima

Desenvolvedor de software há 23+ anos. Escreveu software para indústrias diversas, como telecomunicações e hospitality, em sistemas que variam de aplicações de missão crítica a sistemas embarcados em plataforma móvel celular.

0 comentário

Deixe uma resposta